Preço do gasóleo acelera para novo máximo
Os preços dos combustíveis têm vindo a aumentar paulatinamente e o litro do gasóleo rodoviário já se aproxima do máximo registado na semana de 30 de Junho a 4 de Julho de 2008, altura em que o preço do petróleo atingiu os 142 dólares por barril. De acordo com a edição “online” do Diário Económico, cada litro de gasóleo passou a custar 1,348 euros nos postos da Galp, 1,329 euros na BP e 1,329 na Cepsa. Estes valores começam a aproximar-se do recorde histórico do Verão de 2008, quando o litro de gasóleo atingiu os 1,428 euros, motivando a paralisação dos pequenos transportadores rodoviários de mercadorias.
De acordo com o relatório da Comissão Europeia, o preço médio do gasóleo em Portugal é o oitavo mais elevado entre os 27 Estados-membros, com uma carga fiscal de 46,9 por cento (semana 10 de Janeiro de 2011). Antes de impostos, porém, o preço do litro de diesel é o terceiro mais caro da União Europeia.
Segundo a APETRO – Associação Portuguesa de Empresas Petrolíferas, este agravamento no preço dos combustíveis na bomba não se explica apenas pelo aumento do preço do barril de petróleo. Em termos de médias semanais, o preço mais elevado do crude ocorreu na semana de 30 de Junho a 4 de Julho de 2008 e foi de 142 dólares por barril, encontrando-se a 94 dólares na semana de 3 a 7 de Janeiro de 2011, uma diminuição de 33 por cento em dólares por barril, mas de apenas 20 por cento em euros por barril. A APETRO adianta que desde Julho de 2008 até hoje houve duas modificações sobre a tributação do preço dos combustíveis que afectam os preços finais, as subidas da taxa de IVA em 1 de Julho de 2010 e em 1 de Janeiro de 2011, respectivamente para 21 e 23 por cento. Além disso, o Estado deixou de conceder a isenção fiscal (ISP) de que beneficiavam os sete por cento que incorporam obrigatoriamente o gasóleo comercializado em Portugal, introduzindo um agravamento de cerca de 0,022 euros por litro, o que, combinado com o referido aumento do IVA, constitui um aumento de aproximadamente 0,044 por litro no preço final de venda do gasóleo rodoviário.
Para fazer face a este aumento deste factor de produção que já representa cerca de 40 por cento na estrutura de custos das empresas de transportes rodoviários de mercadorias, o preço dos serviços de transporte registaram uma actualização de aproximadamente oito por cento. O presidente da ANTRAM- Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias referiu que as empresas subiram as tarifas, transferindo para o consumidor final agravamentos de preços que poderão atingir os oito por cento. No último ano, o preço do gasóleo registou uma subida de aproximadamente 20 por cento.
 

por: Carlos Moura , in www.transportesemrevista.com 

(C) copyright Os Amantes dos Autocarros 2011

Desing Free CSS Template

Paginação e Design - Criações Vasco Matos  

This free website was made using Yola.

No HTML skills required. Build your website in minutes.

Go to www.yola.com and sign up today!

Make a free website with Yola